ZA acaba reunião entre pré- candidatos a vereador e diz que o PROS é dele


Zé Alfredo volta a criticar governador e força representante de Collor a dizer que o PROS é dele



As aparencias não enganam: quando você ver um vice-prefeito comportando-se de forma autoritária, provavelmente ele é um autoritário. Desde que assumiu o cargo de vice-prefeito de União dos Palmares, Zé Alfredo sempre agiu como tal.

Assim foi no Saae, onde ele agiu como um doido. E na Seinfra. Quando ele caminhava para as bandas da secretaria municipal de saúde, o prefeito Kil de Freitas se impôs e cortou-lhe as asas no governo municipal. Lhe dando limites.

A partir daí, Kil ganhou um inimigo político e pessoal e, assim, tem sido todo santo dia. Numa reunião entre pré-candidatos a vereador que deveria acontecer no sábado, dia 30, na churrascaria do Pita. Zé Alfredo além de não ter o seu nome na lista de convidados, levou outro: O vereador Ricardo Praxedes.

A intenção de ZA é encaixar Ricardo Praxedes num grupo formado por candidatos do baixo clero para assegurar ao 'parceiro' de viagens à Brasília, à renovação de seu mandato, que fora disso parece que ele não vai ter salvação. Assim reza a cartilha.

Por outro lado, quando Zé Alfredo pegou a palavra espalhou  pimenta no salão, impondo ao interlocutor do senador da República Fernando Collor a dizer para os presentes que o PROS terá nova administração em União dos Palmares nas eleições do ano que vem, numa clara afronta aos 2 filhos do ex-prefeito, Eduardo Pedrosa, com quem mantém laços estreitos com o presidente Collor, dono do partido em Alagoas.

A reunião se desfez em meio a tom de voz elevado de Zé Alfredo dirigida a alguns pré-candidatos a vereador que estavam presentes. Antes que o pior acontecesse, Givanildo Vicente(Tó) um dos responsáveis pela formação do grupo  resolveu esvaziar a reunião. O que foi atendido.

No ambiente ficaram apenas Francelino Amaro, Lucas Pedrosa, Julião Paulino, os convidados vindos de Maceió e Pita, dono da churrascaria.

Zé Alfredo voltou a criticar o governador Renan Filho de maneira desproposital, haja vista que na frente dele, ZA vira um cordeirinho ou no mínimo um vassalo, postura que não agrada Renan Filho.

O momento é mais do que propício para o povo de União dos Palmares ler no evangelho de João o que tá escrito lá: "Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará", antes que seja tarde demais. O problema é que Zé Alfredo opera num mundo com duas verdades. A dele e a verdadeira.

 



Comentários