17 anos sem José Cícero Lopes da Silva, o idealizador do Parque Recuperação


Zé Cícero, um homem que viveu além do seu tempo




Vice-prefeito ZA, vereador Bruno Lopes e Zé Cicero; há 17 anos



Casa da sopa, leva nome de Zé Cicero







Acesso ao Parque Recuperação - o maior espaço para shows e vaquejadas em Alagoas


Parentes e amigos próximos do ex-pecuarista José Cícero Lopes da Silva mandaram celebrar na matriz de Santa Maria Madalena, neste domingo,17, missa em ação de graça a memória do ex-empresário e promoter de vaquejadas em nosso estado, Zé Cícero, como era conhecido.

Numa reportagem assinada pelo radialista e professor J. Marcelo, ele relembra os dias de festas promovidos por Zé Cícero. Ele sabia  como movimentar economicamente a cidade com seus eventos. Quando não era vaquejada no Parque Recuperação de sua propriedade, eram as Touradas, espaço para Circo, shows musicais.

Releia a matéria assinada por J Marcelo

"União dos Palmares esteve em festa esses dias com a realização de mais uma vaquejada. Esporte favorito de muitos nordestinos e que movimenta milhões na região. 

O esporte onde o cavaleiro em seu cavalo derruba o boi trouxe várias pessoas à cidade para prestigiar os vaqueiros e também para dançar forró. 

E quando se fala em vaquejada no município logo vem à memória o Sr. José Cícero Lopes da Silva, falecido em 2002 quando participava de uma vaquejada na Paraíba. 

As fotos acima que ilustram a postagem foram publicadas em uma rede social pelo empresário Zé Alfredo, mais conhecido por "ZA Trator". 

Desde então José Cícero recebeu várias homenagens, dentre elas o seu nome na Casa da Sopa, na gestão do prefeito Areski de Freitas, no Bairro Roberto Correia de Araújo. 

Antigo proprietário do Parque Recuperação, José Cícero era conhecido em todo Brasil como uma dos maiores freqüentadores e participantes de vaquejadas país afora"  

Pai do vereador Bruno Lopes, de destacada atuação no legislativo municipal na atuação gestão, hoje, o sonho do filho mais velho de Zé Cícero é se tornar prefeito da terra que seu pai sempre amou e queria realizar esse desejo no campo político antes de falecer.

Aliado de Manoel Gomes de Barros, de onde sempre foi parceiro, José Cícero Lopes da Silva também era amigo da imprensa palmarina e alagoana.

Numa disputa no parque Maria da Luz, na Paraíba, José Cicero perdeu o equilíbrio montado no seu cavalo e acidentalmente bateu com a cabeça no solo. Socorrio às pressas, não resistiu aos ferimentos intracraniano e veio a falecer dias depois naquele estado.

Foi velado na residência do amigo e ex-governador Manoel Gomes de Barros, antes de ser sepultado no parque das Flores em Maceió, a pedido da família.

Neste 17 de outubro de 2019, fazem 17 anos de ausência deste empreendedor e visionário José Cícero Lopes da Silva. Um dia de muita e eterna saudade.



Comentários