No hasteamento das bandeiras kil volta à criticar oposição: destruíram União


Kil fez um duro discurso e disse que União dos Palmares foi reconstruída




Na solenidade de hasteamento Efigênio Féliz, Basílio Macarrão e o prefeito Kil de Freitas



Evento contou com um público seleto



Fala de Kil de Freitas ocorreu no pátio da prefeitura municipal na solenidade de aniversário da cidade


O prefeito Kil de Freitas falou para um seleto público no pátio da prefeitura municipal para justificar que União dos Palmares vive um novo tempo e que seus antecessores devastaram a cidade como um tsunami.

Ele assegurou que realizou obras nos quatro cantos da cidade e elencou que o município recebeu desde iluminação de led até ampliação no sistema de abastecimento de água na comunidade Muquém. 

- São 188 anos de emancipação política, e graças a Deus que existe um governo, uma equipe que cuida de União dos Palmares de verdade. Desde quinta-feira,10, que estamos entregando postos de saúde. São UBS reformadas outras novas, mas tem gente ainda que insiste em não querer entender que nossa cidade vive um novo tempo", enfatizou Kil de Freitas.

O político lamentou o fechamento da usina Laginha e da fábrica de lactéos Todinho. Ele disse que foi um baque para União dos Palmares. "Foram mais de 4 mil empregos fechados e, todo mundo teve que se socorrer da prefeitura que vive de FPM nada mais", enfatizou Kil de Freitas.

A solenidade contou com a presença de secretários municipais e convidados e num determinado momento de sua fala, Kil de Freitas elevou o tom do discurso falou sobre as eleições do ano que vem.

"Eles não entendem que nossa cidade está um brinco. Tenho parcerias com o governador Renan Filho, que estará logo mais em União dos Palmares no aniversário da cidade. Nesses 188 anos de emancipação política a nossa gestão adotou uma logística moderna.

Eles fazem carnaval fora de época no tocante a salários, mas deixam de notar que o desemprego é forte na região. Falam em mudança, vivemos de ICMS e FPM nada mais, mas mesmo assim, eles dizem que representam mudança; só se for da boca para fora!", Ironizou.

Logo após a sua fala, Kil de Freitas se dirigiu até seu gabinete de trabalho para um desjejum com os presentes.



Comentários