Campeão de votos na eleição para conselheiro tutelar faz oposição a Kil de Freitas no rádio; nas rapidinhas


Melque Marques superou a barreira dos 1. 300 votos tendo visibilidade junto ao povo de sua atuação profissional




Silvany já ensaiando



Sebastião de Jesus e Francisco Viana: na hora do voto



Bambam pegou fila para votar



Visita boa a sua terra natal: Pastor da Igreja Adventista do Sétimo Dia, Adeilton Andrade



Aniversariante do mês, Sargento Alex, do Corpo de Bombeiro Militar. Parabéns!



Alisson Pereira, segundo mais votado conselheiro tutelar, parabéns!


Quantos votaram?

A Comissão eleitoral não disponibilizou para a imprensa nenhum boletim de votação, como é de praxe, mostrando que mesmo o voto tendo sido em cédula de papel, tivemos uma eleição segura, sem chances para à fraude, do tipo acima de qualquer suspeita.

No domingo,6, votaram exatos 19.074 eleitores, quase metade de uma eleição política partidária, daquela que vai eleger o próximo prefeito e vereador no ano que vem.

Partidários disseram ao blog logo que o dia amanheceu, que enfrentaram a fúria de membros da Comissão eleitoral, que impugnou muitos votos e, quem foi alvo dessa imposição foi a candidata Rosa que teve cerca de 170 votos impugnados pela Comissão por que o "X" estava fora do quadradinho que identificava ser o voto para a candidata.

Disco arranhado esse papo quando o assunto são eleições com cédula de papel onde além do mais à urna é de lona. 

Quanto aos boletins, eles passaram por vários mãos até o resultado finalmente ser anunciado. Me lembra uma época em que muitas vezes, todos esses dados escritos eram escritos à lapís grafite de preferência preto, sempre com uma borrachinha do lado e à disposíção.

Não veio

O ex-governador Manoel Gomes de Barros não veio votar para conselheiro tutelar. Entre os 21 nomes a sua disposição o da Assistente Social, Celeste, irmã de Gordinho fiel escudeiro do político que foi visto pedindo voto ao lado de Charlinho debaixo de um pé de pau. Chato dá sem receber, não?

Faltou empenho

O vereador Tita, pré-candidato a prefeito de União dos Palmares teve uma irmã candidata a conselheira tutelar este ano

Experiente, ela merecia continuar no cargo por ser uma conselheira devotada e profundamente conhecedora da causa da criança e do adolescente.

Pena que o vereador-irmão não consiga enxergar esses atributos na moça e o corpo mole dele resultou na derrota da professora Elizabeth, pena!

Anote ai!

O candidato zero 3 não era para ser derrotado na eleição para conselheiro tutelar de jeito nenhum. Sandro do Limão recebeu todo apoio do vereador Almir Belo, esteve praticamente todo o tempo entre os 5 mais votados, mas quando bateu a madrugada ele foi perdendo posições e acabou amargando a derrota.

Almir Belo, vereador do PDT e provável vice-prefeito com KIl na cabeça, não gostou nada do que soube é claro.

 Foi mais um vereador que não emplacou seu candidato. Nem tudo as vezes é Belo!

Coligaram?

Perguntar não ofende: por que na triplice coligação entre os candidatos para conselheiro tutelar, Alexander Campos- Alysson e Luciano  tinha que sobrar para o terceiro na hierarquia mais uma suplência? Festa chata!

Rosa, a vencedora!

Rosa, foi eleita, segundo Francelino Amaro com a cara e a coragem nessa eleição. Teve votos impugnados e disputa entre políticos pelo seu nome com a promessa de voto em você agora, e, você me apoia lá na frente.

Segundo Francelino Amaro, essa vitória foi fruto dele e, de membros de sua família e do acordar cedo e dormir tarde no período de campanha. Garante levar a eleita para apresentar ao ex-governador Manoel Gomes de Barros que não veio votar na eleição. 

Bombou

A coordenação da eleição deve rever o método ano que vem de quem é radialista e está na disputa pelo cargo.

Não é justo, Melque Marque apresentar e fazer reportagens num programa de TV pelo Facebook através do Portal BR-104 e como se não bastasse no sábado tocar um programa na rádio AG FM sem ser perturbado pelo Ministério Público Estadual nem pela comissão eleitoral? Isso não cola, mas tem dado certo por aqui.

 Enquanto isso, a candidata Dori fez uma campanha sem dá um pil sequer, senão no pré-estabelecido pela turma no horário destinado para todos nas entrevistas.

Jugo desigual MPE com Serginho Rogério.

Vencedor

Não se engane, Kil de Freitas foi o maior vitorioso nessa eleição para conselheiro tutelar de União dos Palmares ao eleger ou ter dado o comando aos candidatos Alexander Campos(secretário da Juventude de seu governo, ora sendo respondido pelo sobrinho); de Alisson Pereira e Anderson da Igreja, ex-coordenador da feira livre do município.

Voto de mulher

Silvany Calixto foi vista num papo reto com várias mulheres nas longas filas antes de sapecar seu voto para conselheiro tutelar de União dos Palmares.

O blog quis saber do seu paladra eleitoral, ela prontamente disse que na sua listinha mais mulheres receberiam seu voto. O blog insistiu na revelação dos nomes mas ela tergiversou e disse que o voto é secreto, até mesmo para conselheiro tutelar.

Melhor tirar da cabeça

Muitos observadores políticos de União dos Palmares estão com um mal pressentimento e uma pulga atrás da orelha depois do resultado da eleição para conselheiro tutelar de União dos Palmares e, bradam:

- Melque, foi eleito o 1º entre os 21. Por onde ele vai senta o sarrafo no prefeito Kil de Freitas. Tem voz e postura de oposição política no rádio e na TV local contra o atual gestor.

Com meus botões, esse cenário tem nada a ver em 2020, não né?

Melhor ficar por aqui, volto já já!

 



Comentários