Ação da Polícia Militar prende 2 homens com armas e drogas na Santa Fé


Acusados




Armas, drogas, munições e celulares em poder dos criminosos Nem e Ninho


A comunidade Santa Fé foi alvo nesta quarta-feira, de uma ação policial depois de denuncias de tráfico de drogas. Os PMs desembarcaram no local depois de terem recebidos denuncias junto a central 180 do Segundo Batalhão de Polícia Militar de União dos Palmares.

Uma fonte do blog revelou que a Polícia Militar se deslocou até o povoado de Santa Fé como se fosse uma operação de rotina e em seguida fez a prisão de dois homens. Com eles foram apreendidos pedras de crack e maconha, além de armas de fogo, munições e aparelhos de telefones celulares que eram usados pelos traficantes. 

Dois criminosos foram presos, mas outros dois comparsas conseguiram escapar do cerco policial. A dupla presa foi levada juntamente com todo material apreendido para a 11º DRP - Delegacia Regional.

Numa breve consulta ao Sistema de Informações Policiais bem como junto ao Poder Judiciário, a Polícia Civil descobriu que a dupla de criminosos foram identificados como sendo Vínicius Roberto da Silva, vulgo NEM e Antônio Carlos da Silva, vulgo NINHO.

Eles tinham mandado de prisão em aberto expedidos pelo Poder Judiciário da Comarca de Murici, por cometimento de crime de homicídio na cidade de Branquinha ocorrido no dia 06 de julho de 2019, ocasião em que foi assassinado a golpes de facão Ivaldo Pereira da Silva num crime que espalhou medo entre os moradores.

Depois do crime que aconteceu em via pública no bairro Raimundo Nonato, Nem e Ninho juntamente com mais outros comparsas passaram a morar na comunidade de Santa Fé onde montaram uma boca de fumo.

 Na operação realizada pela Polícia Militar, um terceiro acusado identificado como FAVELA conseguiu se evadir ao cerco policial, enquanto NEM e NINHO foram presos e se encontram recolhidos na carceragem da delegacia Regional de União dos Palmares, aguardando transferência para o Sistema Prisional em Maceió o que deve acontecer ainda esta semana.



Comentários