Na Várzea Grande um jovem morre e outro é ferido a bala no pescoço


Alef era evangélico e morreu sem atender apelos dos pais que residiam na cidade de Messias-AL



O submundo do crime voltou a espalhar medo e pânico na comunidade de Várzea Grande, na grande União dos Palmares. Alef Cassiano da Silva estava conversando com um amigo,  Pedro Marques da Silva, quando homens armados passaram a atacar os dois a tiros de revólver calibre 38, segundo péritos do setor do Criminalística do Instituto de Medicina Legal que estiveram no local do crime.

Pedro, conseguiu escapar com vida, mesmo sendo atingido na altura do pescoço com um projetil. Levado para o hospital de São Vicente de Paulo, foi encaminhado minutos depois, num âmbulancia do município para o HGE, centro de medicina mais avançado localizado na capital, Maceió.

Já Alef, não teve a mesma sorte. Dos 5 tiros que o atingiram, ele perdeu forças, caiu numa área destinada a lixo doméstico e morreu instântaneamente. Um parente que confirmou o grau de parentesco com a vítima disse que ele era evangélico e que a família relutou o quanto pode para ele permanecer nos quadros de adoração ao Senhor, mas tudo foi inútil, o desejo do garoto que perdeu a vida a bala foi mais forte e ele acabou não retornando mais para a igreja onde era o cantor da banda gospel.

Corpo de Alef Cassiano se encontra no IML, em Maceió, onde será liberado a tarde para sepultamento. A polícia Civil não tem uma linha de investigação para o crime até o momento que segue sem autoria.



Comentários