Vereadores de Arapiraca vão a Brasília discutir precatórios de professores


JHC em recente encontro com a categoria de professores



Depois de uma semana em Brasília, mantendo encontros com autoridades do governo federal para conseguir recursos para Arapiraca,  os vereadores Léo Saturnino e Fábio Henrique, foram recebidos pelo deputado federal, JHC, para discutir sobre o pagamento dos 60% dos precatórios aos professores de Arapiraca, da rede municipal de ensino.

De acordo com os dois vereadores, durante o encontro com JHC, foram informados, de que o próprio parlamentar, iria manter nos próximos dias, uma reunião com o relator que está acompanhando o processo dos precatórios.

"Mantivemos diversas reuniões com os professores, onde inclusive organizamos uma audiência pública no Clube dos Fumicultores, em Arapiraca, com a presença do deputado federal, JHC, que fez umaampla explanação para milhares de professores sobre o assunto, como também, com a presença do prefeito Rogério Teófilo, que se comprometeu a liberar os 60%, tão logo a justiça determinasse", concluíram os vereadores.

Léo Saturnino e Fábio Henrique, ressaltam que no ano passado, entraram com um requerimento aprovado por unanimidade, solicitando ao prefeito Rogério Teófilo, o pagamento dos precatórios e que o próprio prefeito, havia garantido que daria os 60%, tão logo a justiça determine.

"Este nosso compromisso com os professores em relação aos precatórios, continua firme e forte", garantem os dois vereadores. 

Ao concluir, eles lembram que mesmo em período de festas no município, quando Arapiraa, comemora o seus 94 anos de emancipação política, estão em Brasília, lutando por recursos para a cidade.

Com assessoria

 

Comentários 1

O comentário não representa a opinião do blog. A responsabilidade é do autor da mensagem.
  1. Petrucio Soares escreveu em 02/11/2018 23:42:37:

    Por favor, relacione quantos vereadores de nossa terra de Jorge de Lima estiveram presentes a este encontro, e se não foram, onde está os representantes do Sindicato ? Perguntar não ofende, mas, cada povo tem o governo e o representante que merece, abraço amigo Ivan!!!

Poste o seu comentário