FUTURO MINISTRO, ASTRONAUTA MARCOS PONTES ERA ATRAÇÃO DE PASSEIO NA FLÓRIDA POR R$ 340


Marcos futuro ministro do presidente Bolsonaro







O astronauta Marcos Pontes, futuro Ministro da Ciência e Tecnologia do governo Bolsonaro, poderia até ocupar outra pasta se quisesse: a do Turismo. É que ele era uma das atrações na Flórida para os visitantes do Complexo Kenedy Space Center, no Cabo Canaveral.

Até julho, era possível ter uma visita guiada e um almoço com o astronauta, o primeiro brasileiro a ter ido com a NASA numa expedição espacial. No programa “Fly With An Astronaut” (Voe com um Astronauta), o futuro ministro era o guia por alguns dos lugares mais importantes do complexo de visitantes da NASA. Além da visita, o tour oferecia também visita guiada pelas plataformas de lançamento, ao Apollo Saturn V Center, almoço em uma área especial localizada neste prédio com vista para Cabo Canaveral, souvenir e foto autografada.

Para a visita, os turistas desembolsavam US$ 60, algo em torno de R$ 224. Com o plus do astronauta e o almoço, mais as lembranças, pagavam mais US$ 30, cerca de R$ 112. Ou seja, o pacote completo saía por aproximadamente R$ 340.

Não são raras as fotos do astronauta com turistas e fãs. O trabalho de Marcos Pontes nos encontros era contar sua experiência como homem do espaço e dividir um pouco sobre sua rotina e vida na Terra. Em 2006, ele se tornou o único brasileiro e o segundo latino a estar na Estação Espacial Internacional (ISS), em uma missão que levou o nome de Missão Centenário, em homenagem aos 100 anos do voo de Santos Dumont.

Nascido em Bauru, interior de São Paulo, Pontes passou a infância sonhando em ser piloto de aviões. O sonho foi bem além do esperado quando, em 2000, ele foi declarado oficialmente “astronauta da NASA”

Extra

Comentários 0

O comentário não representa a opinião do blog. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Poste o seu comentário