Depois da crise de combustível em União, a procura agora é pelo botijão de gás que falta no mercado






Depois da greve dos caminhoneiros que durou 10 dias com os sete postos de combustível desabastecido, agora o drama é outro e já previsto. Está faltando gás de cozinha no mercado palmarino. A região mais afetada é a Barra do Canhoto(Rocha Cavalcante), onde os revendendores daquela região, não dispõem sequer de um botijão para a venda.

O preço no mercado palmarino varia entre R$ 70 e 80 reais quando tem, mas as principais revendedoras do gás liquefeito está vendo o produto a R$ 80,00 quando tem. Em União dos Palmares existem cerca de 50 pontos de vendas do gás GLP, mas apenas 10 são de marca famosa.

Com o início da falta do botijão de gás na cidade, as donas de casas se sujeitam até a pagar R$ 120 reais pelo botijão, como ocorreu na tarde desta quarta-feira,30 numa rede local. Estima-se que a normalização deva acontecer até semana que vem.

 

Comentários 0

O comentário não representa a opinião do blog. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Poste o seu comentário