Audiência pública para discutir a Agenda Global de Trabalho Decente em Alagoas teve a participação de palmarinos


Participantes



Rodrigo Cunha: deputado proponente da audiência pública



Participantes e instituições que prestigiaram audiência pública



Combater ao desemprego, promover a geração de trabalho e renda, melhorar as condições de trabalho e erradicar o trabalho infantil e o trabalho escravo,  são alguns dos tópicos que serão tratados na audiência pública sobre a Agenda Global de Trabalho Decente em Alagoas. A sessão aconteceu na segunda-feira (9), às 9 horas, na Assembleia Legislativa do Estado.

A proposta de construção de uma Agenda Global de Trabalho Decente foi lançada pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) e assumida crescentemente em importantes fóruns nacionais e internacionais. A audiência pública foi proposta pelo deputado Rodrigo Cunha, a pedido do juiz do trabalho Rinaldo Guedes Rapassi, que já atuou na Bahia, estado que adotou há algum tempo as propostas da OIT e alcançou resultados positivos.

Para Rodrigo, 'fomentar a agenda da OIT é uma prioridade em Alagoas', disse. De acordo com o parlamentar, 'a promoção do trabalho decente é uma questão central para que Alagoas possa construir uma trajetória de desenvolvimento e inclusão social, e por isso, este diálogo para estabelecer as prioridades e as linhas de ação deste projeto foi de extrema importância. A participação da sociedade e de autoridades ligadas ao assunto serviu para avançarmos no combate do problema", concluiu o deputado.

 

Comentários 0

O comentário não representa a opinião do blog. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Poste o seu comentário