Carnaval 2018 em União dos Palmares está ameaçado


Kil de Freitas: Folia de Momo indefinida







O prefeito Areski Freitas desautorizou a secretária de Culturea, Dorinha de Mãe Neide Cavalcante, a manter contatos iniciais com artistas locais que se anteciparam ao gestor municipal querendo uma brecha para se apresentar no Carnaval 2018 em União dos Palmares.

Kil, de acordo com uma fonte que está colado no prefeito para a contratação de bandas, teria recomendando a secretária não tocar no asssunto por enquanto, pois ele está envolvido diretamente na contratação das bandas que a prefeitura municipal poderá ceder aos festejos da padroeira do município, no evento que vai do dia 23 a 02 de fevereiro.

A dor de cabeça de Areski de Freitas, é que a família dele exige que ele faça uma viagem para o Sul do pais e deixe o carnaval sob o comando do vice-prefeito Zé Alfredo. "É a esposa que exige descansar ou passar o Carnaval 2018 em Salvador-BA ou fora de União", assegurou a fonte que falou ao blog sob a condição de anonimato.

Este ano, a festa de Santa Maria Madalena termina no dia 3 de fevereiro e os estejos de Momo começa logo em seguida, já que os bailes serão realizados a partir do dia 8 de fevereiro e o prefeito tem dito que não tem dinheiro para contratar bandas para União dos Palmares. "Rocha Cavalcante, ele descartou, não terá banda de carnaval por lá, isso ele me confessou", disse a fonte.

Comentários 8

O comentário não representa a opinião do blog. A responsabilidade é do autor da mensagem.
  1. CARNAVAL ZERO escreveu em 15/01/2018 19:57:48:

    Muito bem prefeito, nada de carnaval, já basta a bagunça que o povo costuma fazer sem investimento público....

  2. Cidadão escreveu em 14/01/2018 08:36:30:

    Vocês votaram por que quis sabendo agora tão na boca do jacaré kkkkk

  3. Dê Carvalho escreveu em 13/01/2018 11:15:57:

    seria muita burrice da parte do prefeito investir numa festa que só traz mais prejuiso a prefeitura, aos cofres publicos, e aos moradores. tendo em vista que ele alega que não tem dinheiro para pagar os servidores.
    no mais o carnaval sempre deixa prejuisos ao inves de lucro.

    os atendimentos hospitalares aumentam gerando mais despesas
    a policia desloca um maior efetivo para a festa deixando varias localidades sem segurança
    o numero de roubos e furtos aumentam
    a taxa de doenças sexualmente transmissivel tambem aumentam
    a um numero maior de gestantes devido ao consumo de drogas e alcoo
    aumenta o numero de acidentes
    a cidade fica poluida com lixo por todos os lados
    colocando todos estes topcos ligado a falta de emprego no municipio não tem motivos para se fazer uma festa de carnaval.
    e muitas outras coisas

  4. cabore escreveu em 12/01/2018 23:07:31:

    votem nele novamante camboio de burro, uniao so tem jumento.

  5. Menino do Rio escreveu em 12/01/2018 13:09:21:

    A secretaria de cultura foi que disse que o prefeito não queria fazer a festa ela falou que todas as festas agora são focadas para festa da padroeira e disse sobre essa questão da provável viagem dele com a esposa. Dorinha também falou que não vai se responsabilizar por isso pois é o nome dela que está ficando sujo por conta de uma decisão da esposa do prefeito e dele que dinheiro tem para fazer isso.

  6. eleitor escreveu em 12/01/2018 12:59:25:

    PÃO E CIRCO no caso sem o pão

  7. escreveu em 12/01/2018 12:55:39:

    E ele ano passado não dizia que faz questão de passar carnaval em união e já vai simbora viajar???? Vai dar banda pra festa devendo salario???? Pague o povo!!!

  8. Zé escreveu em 12/01/2018 12:40:21:

    Esse prefeito e merda é a mesma coisa. Um prefeito que não sabe administrar uma cidade agora vem essa a mulherzinha dele quer passar carnaval em Salvador, Vai prefeito gastar o dinheiro de pagar o salários dos funcionários atrasados. Bandido fresco...

Poste o seu comentário